quarta-feira, 30 de julho de 2014

 

Idioma English | Español

  • feeds

Usuário
Senha
Clique aqui para inscrever-se

Réu é condenado a frequentar igreja e prestar serviços comunitários

A Missão Vida, de Anápolis, vinculada à Igreja Presbiteriana, ganhou um colaborador involuntário, por decisão da juíza da 3a. Vara Criminal, Edna Maria Ramos da Hora.

ALC
Goiânia, quinta-feira, 26 de julho de 2012

Condenado a dois anos de prisão por ter provocado a morte de Pedro Villas Boas Barcellos em acidente de carro, o técnico de informática Augusto César Fonseca Nascimento teve a pena atenuada. Ele terá que frequentar os cultos da fé reformada aos sábados e domingos, além de prestar serviços comunitários de sete horas semanais pelo período de dois anos na Missão Vida.

Esse tipo de pena não é comum no Brasil. Augusto César não tinha antecedentes criminais, por isso recebeu a atenuante. No dia 25 de novembro de 2001,  Augusto César voltava de uma festa quando capotou o Uno 93 que dirigia, matando Villas Boas.

Por dois anos, Augusto César não poderá dirigir nem ingerir bebidas alcoolicas. A frequência dele nos cultos terá que ser comprovada mediante atestados.

Veja mais notícias de ALC

Agência Latino-Americana e Caribenha de Comunicação (ALC)
Informações e análises sobre a realidade sócio-eclesial, de desenvolvimento e direitos humanos na América Latina e outras regiões do mundo
Edição em português: Rua Ernesto Silva, 83/301, 93042-740 - São Leopoldo - RS - Brasil
Email: editorportugues@alcnoticias.net
no se puede crear el file ()